Skip to main content

Esfoliante caseiro barato com vitamina C

Vou passar uma receita de esfoliante divina. Para fazer é muito barato e também é algo que dura sem se preocupar em estragar. 

Ingredientes:

  1. Açúcar refinado
  2. Óleo de coco
  3. Vitamina C 
  4. Casca de limão

Em um pote coloque o açúcar refinado e cobre-o com óleo de coco. Deixe em uma proporção apenas para “molhar” o açúcar sem colocar óleo em demasiado. Depois adicione a vitamina C, este ingrediente se acha fácil em qualquer farmácia. Logo em seguida coloque a casca de limão e misture tudo. Seguindo todas estas etapas, o esfoliante vai estar pronto. Pelo açúcar estar coberto por óleo a mistura não vai estragar e poderá usá-la por um bom tempo. Recomendo para quem possui poros abertos e fase pós acne, esta mistura ajuda a clarear as manchas. 

 

Provas finais e trabalho como monitor

Infelizmente vou ter que fazer provas finais em algumas matérias na graduação. Torcendo que segunda-feira não fique de final em matemática para não ficar muito sobrecarregado para mim. Depois tomara que melhore ao decorrer do curso e possa dedicar um tempo mais igualitário entre as matérias. Fiquei muito focado estudando o conteúdo de matemática. Próximo semestre não pretendo fazer optativa e ir adiantando o curso. Graças que consegui uma bolsa por seis meses como monitor de contabilidade social. Vou aproveitar esta monitoria para me desenvolver como profissional. Pelo menos já me garanto sair da universidade já sabendo analisar índices de inflação e balança de pagamento com mais precisão e confiança. 

O CR (coeficiente de rendimento) é muito importante para a vida universitária, se for necessário é preciso matar um leão por dia para a nota não cair, pois isso prejudicar muito. Restringe muito e até impede te fazer candidatura em alguns programas, bolsas ou projetos. Com esta bolsa estou mais tranquilo por ficar menos dependente da minha mãe e minha mente vai estar mais tranquila focada no curso. 

Aprendendo idiomas com Netflix

Uma coisa muito importante para aprender idiomas estrangeiros é o listening.  Queria um meio barato de aprender outra língua e a Netflix apareceu como uma boa opção. Meus amigos e eu criamos uma conta para dividirmos e ficou muito barato para cada um. Queria explorar o Youtube, mas não achei muita opção. Pois queria algo que com legenda que houvesse sincronia com as falas. Minha vontade mesmo era o mandarim, mas vou focar no espanhol para ficar fluente até terminar a graduação. 

Estou vendo uma novela colombiana chamada La Prepago, o áudio é em espanhol. Estou feliz em saber que entendo 95% das falas (com legenda). Há uma opção na Netflix que muita gente não sabe, há uma página que mostra quais são os conteúdos que tem legenda na língua desejada. Há opções em português, inglês, espanhol, coreano, japonês, alemão e italiano.

www.netflix.com/subtitles

 

Classificação injusta do CCJE e processos

Alguns dias atrás me inscrevi para participar das bolsas da UFES. Passei em dois projetos e não fui classificado em outros ficando como suplente. Saiu o resultado e fiquei muito feliz. Os projetos que fui selecionado foram para dar monitoria de contabilidade social e para dar apoio a uma revista no mestrado de Política Social. Li o que estava pedindo nos projetos e me inscrevi. O CCJE (Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas) simplesmente retificou o resultado alegando que estava errado, pois eles esqueceram de colocar a área de conhecimento, isso depois que já tinha saído o resultado. Felizmente ainda fiquei em primeiro lugar na monitoria de contabilidade social. Mas fui desclassificado do outro projeto injustamente, sendo que quando me inscrevi estava pedindo para que o candidato fosse estudante de ciências sociais aplicadas ou letras. Economia é uma ciência social aplicada, ou seja, não teria motivos para me desclassificar. Depois que acabou o período de inscrição, eles colocaram uma lista no centro de quem foi aprovado. Depois foi retirado toda a lista e divulgaram o resultado novamente no dia seguinte. Fui na reitoria em um departamento chamado Proplan para saber o que havia acontecido. As pessoas lá foram muito simpáticas comigo e me encaminharam para o próprio centro. No CCJE, a pessoa responsável por analisar a classificação disse que fui desclassificado porque apenas estudantes de biblioteconomia e letras poderiam se candidatar, sendo que isso não estava escrito dessa forma no projeto. Link: www2.proplan.ufes.br/pib/.

Projeto: Revista Argumentum

Bolsistas com formação nas seguintes áreas:

• Ciências Sociais Aplicadas;

• Línguas e Letras.

Tirei até o printscreen do projeto do site para armazenar como prova. Pois pelo que pude perceber eles apagam os resquícios.

regras classificação ufes - Classificação injusta do CCJE e processos

Poderia ter tirado foto do resultado anterior, por sorte fiz o download do resultado antigo.

Quem se sentiu lesado, procure entrar com recurso e isso pode dar até processo judicial, pois as referidas informações de desclassificação não estava no edital e nem da descrição do projeto.