Skip to main content

Tiroteio no conjunto de prédios e sequestro do meu irmão

Avalie este post

Mais uma noite sonhando com armas. Eu e um grupo de pessoas estava em um prédio quando começou um tiroteio. Dessa vez sonhei em um lugar conhecido, foi em um prédio que morei quando era criança. Algumas pessoas curiosas na entrada do prédio queria saber de onde estava vindo os tiros. Minha mãe estava nesse grupo, eu gritei ela e falei para ela correr para dentro do prédio. Ela estava na área do prédio, enquanto eu já estava na entra do edifício. 

Os bandidos estavam chegando perto do prédio que nós estávamos, minha mãe e os outros começaram a correr. Eu já estava em um andar mais alto, quando vi que os bandidos estavam escalando o prédio. Eram várias crianças e adolescentes armados parecendo que estavam possuídos por uma energia maligna. Não tenho certeza, mas parece que eles conseguiram sequestrar alguns moradores. 

Eu comecei a subir mais, entrei dentro de um apartamento. Nesse apartamento tinha um senhor armado apontado a arma para duas dessas crianças. Eles estavam rendendo o meu irmão! O senhor estava muito nervoso e estava tremendo muito. Eu peguei a arma dele e dei tiros no peito dos dois meliantes, os matando. Parecia que eu atirava muito bem, tinha o risco de acertar o meu irmão, mas isso não aconteceu. Depois disso, eu fiquei com a arma e não sei o que aconteceu depois. 

Este lugar que sonhei é um dos bairros mais perigosos de Vila Velha. Minha mãe nessa época estava com uma condição financeira bem ruim, uma amiga a ajudou por um tempo. Eu tinha acabado de voltar de Sete Lagoas e comecei a morar em Vila Velha de novo. Nessa época tive momentos bons e ruins. Não sei porque sonhei com isso e me fez lembrar desse bairro. 

Ramon Cristian

Estudo Ciências Econômicas na UFES. Sou apaixonado pela cultura asiática. Pretendo ensinar, mas sem deixar o espírito empreendedor de lado. Quero me especializar na área financeira ou desenvolvimento econômico. Sou fascinado por todos os temas que mostram a expressão humana, como arte, literatura, cultura e moda.