Iniciando mais uma saga na academia

Finalmente consegui ter coragem para iniciar a fazer exercícios na academia novamente. Tinha conseguido uma vaga na academia da UFES que é uma coisa quase que impossível (principalmente pelo fato da mensalidade ser R$30). Tive que sair, pois comecei a estagiar, como lá é muito lotado, não consegui outro horário, os horários são marcados, não pode chegar a qualquer momento e usar os aparelhos. 

Decidi me inscrever em uma academia do bairro. Perto da minha casa tem duas academias, uma é R$120, mas tem uma melhor infraestrutura e a outra é R$100. Escolhi a mais barata. Nos bairros próximos e não tão próximos assim o valor é a partir de R$100 ou mais reais. Nas cidades vizinhas de Vitória dá para achar mensalidades mais baratas, só que as coisas na capital tendem a ser mais caras. A academia Smart Fit tem um plano mais barato, mas tem taxa disso, taxa daquilo, não quis me estressar e ter dor de cabeça com isso. 

O pessoal da academia que me inscrevi pegou pesado comigo, não estava aguentando de tanto dor que senti nos três primeiros dias. Senti tanta dor, que no quarto dia nem fui, preferi ficar em casa. Depois desse descanso, minhas dores diminuíram uns 90%. Fui no quinto dia (contando a data da inscrição) e foi mais tranquilo. 

Agora se tudo se manter estável, pretendo fazer exercícios constantemente. Quero investir em saúde, uma das melhores formas de não ficar doente é a prevenção e exercitar o corpo é uma maneira de se manter mais saudável. Não tenho pressa, com o tempo meu corpo mais se desenvolvendo. Não pretendo ficar neurótico com alimentação. Vou manter a mesma dieta que estou seguindo e não pretendo tomar suplementos. Tenho um pouco de receio dessas substâncias, atualmente nem vitaminas mais estou tomando. Um registro de cinco dias de academia:

Posso estar realizando uma postagem de mudança corporal mensalmente. 

Mais duas finais de disciplinas que entram na conta

Este semestre peguei 5 matérias para não ficar muito puxado, agora que estou estagiando que não posso ultrapassar este número. Tive matérias consideradas difíceis. De 5 matérias, fiquei em final em duas. Sei que parte da culpa é minha, pois se tivesse focado mais na graduação poderia ter tido resultados melhores. 

Em uma matéria fiquei muito triste com o meu resultado, eu fui nas aulas no horário certo, copiei tudo o que o professor passou no quadro, copiei as coisas que ele disse (que teoricamente seriam importantes para a prova). A prova não tinha nada haver com a explicação dele, tenho amigos que nunca vão para aula tiraram um nota mais alta ou similar a minha. Me deu aquele sentimento de fracasso, que não fui capaz. 

Não posso ficar esperando ser recompensando por esforço, o que se espera de nós é o resultado. Tem professores e outras profissões que avaliam alguém que ignoram completamente o esforço, infelizmente o mundo é assim. 

Vou tentar fazer o possível para poder passar nessas matérias, se não der, tudo bem. Também não adianta nada ficar nervoso, estressado, ficar noites sem dormir e no final se formar cheio de problemas psicológicos e com a saúde deteriorada. #Nãoénormal adoecer por causa de cobrança. Já estou começando a ter tremores nas pálpebras, dor no intestino e com um sentimento que devo fugir de tudo, mas não posso, pois não tenho mais para onde ir. 

Decidi que não quero mais ficar falando de desempenho acadêmico com familiares, colegas e pessoas do trabalho, pois quando se toca no assunto, sempre se gera uma expectativa do que vai ocorrer. Chegou o momento que não é mais saudável ficar dando satisfação, afinal tenho 20 anos, nem tenho mais a obrigação de dar satisfações. Eu sei o meu ritmo, tentar acelerar as coisas é algo que não dá certo, só é desgastante. 

Pressão para ter excelência acadêmica

Como comecei a estagiar, tive que fazer todo um trâmite burocrático para registrar o meu estágio. Uma professora conversou comigo falando que o limite de reprovação é uma matéria. Isso me deixou preocupado, este semestre estou tendo aulas com alguns professores considerados difíceis de passar. 

Agradeço a todos que me ajudaram a tirar uma nota boa em Estatística I para iniciar bem o semestre. Na próxima semana já começa a maratona de provas e devo fazer de tudo para passar nas disciplinas. Meu objetivo é focar principalmente em Macroeconomia III e Microeconomia II.

Fonte: mercadolivre.com

O professor de Microeconomia passou alguns exercícios em inglês, até consegui achar algumas coisas, mas o material para acessar tem que pagar. ‘-‘

Vou fazer o máximo para não entrar em desespero e ter inteligência emocional para lidar com as metas que tenho que entregar. Abri mão de muitas atividades para ter mais tempo para aquilo que é prioritário. Vou deixar para estudar Mandarim apenas nas férias. 

Fazer Economia não é fácil e não é para qualquer um. A maioria dos professoras não tem domínio de didática e fica difícil entender algumas coisas que muitos deles falam. Muitas vezes a matéria nem é difícil, mas pelo professor não saber transmitir as informações, se torna algo muito difícil de compreender. 

Espero trabalhar duro e colher frutos no final do semestre. Ainda estou procrastinador, mas sinto que a vitória contra esse inimigo está perto. Todas as atividades que me fazem desviar do foco de estudar estão sendo neutralizadas. Já me desapaguei quase que completamente do celular. As redes sociais sempre tem as mesmas coisas e praticamente não estou horas navegando em feed de notícias. Já estou enjoando de Youtube. Estou afunilando as minhas atividades e está ficando mais fácil estudar. 

Para manter este estágio tenho que estudar muito e vencer esta etapa. 

Iniciando um novo estágio – Serra Ambiental – Empresa da Aegea

Depois de muito esforço e tentativas consegui um estágio. Já faz algum tempo que estava procurando algo para poder aumentar a minha renda e ter independência. Eu passei por processo seletivo na Wizard e Banestes, mas não fui selecionado. Tinha conseguido vaga nos Jovens Valores (programa de estágio do governo do Espírito Santo), mas a universidade não iria liberar, pois daria conflito de horário com uma disciplina. 

Um rapaz da minha sala e outras pessoas estavam concorrendo comigo. Espero que este rapaz que estuda comigo consiga um estágio em breve. 

Fiquei muito feliz por ter sido selecionado para ser monitor de Contabilidade Social, mas preciso de mais dinheiro, pois necessito de uma renda maior para não depender mais da minha mãe. Como meu contrato estava acabando, queria negociar com a professora, mandei um e-mail para ver se ela deixaria ajudar os alunos de maneira remota, ela negou. Então cancelei o contrato e vou receber apenas da empresa. 

Da UFES até a Serra Ambiental é aproximadamente 40 minutos. Meu horário seria de 12:00 às 18:00, conversei com meu supervisor direto, ele deixou eu fazer o horário de 12:30 às 18:30, desse modo vou conseguir almoçar no RU (restaurante universitário) sem maiores problemas. A noite posso comer um lanche antes de deitar. 

Primeiras impressões da empresa:

Fonte: linkedin.com

A empresa é muito bem localizada, fica no centro no bairro Laranjeiras-Serra em um prédio comercial bem estruturado. É preciso de um cadastro para ter acesso aos elevadores. Tem que passar a digital para girar a roleta e pegar o elevador. Para entrar dentro da empresa tem que ter um crachá. Ainda vão disponibilizar para mim o crachá, um login no computador e a senha para usar a impressora. 

Vou ficar no setor de planejamentos e fazer cálculos de alguns indicadores que são importantes para a avaliação da empresa, isso define a remuneração que a Serra Ambiental vai receber.

Serei o quarto membro da equipe, espero que dê tudo certo e que seja uma experiência boa. 

Dez bênçãos pelas quais sou grato – 24/04/2017

1- Sou grato por ter a oportunidade de estudar em uma universidade federal, tendo um curso superior, posso abrir mais portas. 

2- Sou grato por ser monitor de uma disciplina na graduação, estou aprendendo a me comunicar e posso conhecer novas pessoas. 

3- Agradeço por ter minha mãe presente na minha vida, ela me ajuda muito e espero retribuir. 

4- Agradeço por ter uma moradia, sou abençoado por conseguir um lugar com água, energia, internet, gás e limpeza incluso no aluguel, e consigo pagar um preço bom. 

5- Fui contemplado em ter uma sala no prédio de Economia, onde posso estudar de maneira tranquila. 

6- Sou grato pelas pessoas a minha volta que me ensinam lições valiosas. 

7- Agradeço por estar nesse planeta, pretendo buscar os melhores modos de aprender e extrair o melhor do mundo.

8- Sou grato por ter o que comer e beber, a alimentação é um fator muito importante para manter a vida. 

9- Agradeço por ter o que vestir, de tempos em tempos, posso trocar o vestuário. 

10- Sou grato por ser jovem e ter muito tempo para poder aprender e passar algum conhecimento. 

Biblioteca da UFES de Goiabeiras. Fonte: skyscrapercity.com