Skip to main content

A preparação do mundo para a era Trump

Avalie este post

O mundo passou por uma revira-volta. Trump é um símbolo dessa nova política. A globalização está ruindo, isso incomoda vários grupos de interesse, principalmente as grandes corporações. Mudanças que estão acontecendo no eixo de poder está fazendo com que se tenha certas reações.

Donald Trump tem várias características que foram dominantes no mundo por muito tempo. O modelo que ele se insere está perdendo força, nesse momento muitas pessoas estão se sentindo ameaçada por outros sistemas. O líder branco, com certa posição social, patriarcalista, machista e ortodoxo é o que grande parte do ocidente está acostumado. É incomodante para parte da sociedade experimentar o desconhecido. As mulheres em um momento muito recente que começaram a entrar no mundo político. Infelizmente tivemos vários escândalos de muita dessas primeiras mulheres que entraram em cargos mais altos, este fato pode ter aumentado a desconfiança de ter uma líder feminina. 

Nesses últimos tempos vemos que há uma tendência de empresários que estão penetrando no mundo político. O governo é um órgão que não passa confiança e cada vez mais o Estado é visto como um fardo, pois é uma instituição que passa a sensação que apenas rouba e não trás o retorno que ele deveria trazer. Algumas empresas são muito respeitadas, são como novos templos de seguidores fiéis. Empresas passam confiança e os funcionários que estão nelas são considerados os competentes do mundo.

Várias leis foram criadas para proteger as minorias. Durante várias décadas muitas campanhas foram feitas para tornar a sociedade mais justa. Mesmo com tanto esforço, a sociedade possui muitos preconceitos e está longe do problema ser solucionado. 

O empresariado é uma classe mais ortodoxa e que tem os pensamentos mais aliados com a população. Donald Trump em sua campanha disse o que a maioria do povo estadunidense gostaria de ouvir, mas que não teria coragem de se expressar. Acontece que, o mundo já não é regido pelos mesmos poderes que o século XX, os desafios desse novo governo vão ser muito grandes. 

Ramon Cristian

Estudo Ciências Econômicas na UFES. Sou apaixonado pela cultura asiática. Pretendo ensinar, mas sem deixar o espírito empreendedor de lado. Quero me especializar na área financeira ou desenvolvimento econômico. Sou fascinado por todos os temas que mostram a expressão humana, como arte, literatura, cultura e moda.